Postagens

Mostrando postagens de Dezembro, 2010

PARABÉNS JESUS

Imagem
Jesus nasceu numa manjedoura, entre os animais. Com dois anos de idade, devia estar brincando, correndo atrás das borboletas, procurando os passaros entre as árvores, mas embora tão novo, foi perseguido de morte por um rei violento, que alías, já havia levado á morte dois de seus filhos: o rei Herodes.
    Teve de fugir com seus pais para o Egito. Em laguns trechos, era carregado pelos pais; em outros, fazia longas e extenuantes caminhadas a pé ou em cima do lombo de um animal.
   Situação estressantes como essas fariam parte parte da sua rotina.
   Quando adolescente, teve de trabalhar cedo para poder sobreviver. Carpinteiro de profissão, tinha de suportar sobre os seus ombros pesadas toras  e lapidá-las pacientemente. O sol escaldante refletia-se no seu rosto e desidratava-lhe a pele.
    Foi um jovem sem privilégios sociais.
    Pelas dificuldades da vida e pelos estimulos estressantes que atravessou, era de se esperar que desenvolvesse uma personalidade ansiosa, irritada, intolerante. …
Imagem
Um dia os sábios da Grécia foram ao oráculo de Delfos e perguntaram quem era o homem mais sábio da Grécia. O oráculo respondeu: "Sócrates". Os sábios  reagiram dizendo : " Imagine,  é um homem simples, que convive com os jovens na rua".  E quando voltaram  de Delfos perguntaram ao próprio Sócrates qual era a sua opinião. Sócrates os olhou com naturalidade e respondeu:  "Provavelmente eu seja o homem mais sábio da Grécia, pois sou o único que sei, que quanto mais eu sei, mais eu descubro que nada sei". Quando perguntado à espiritualidade qual é o melhor caminho para a evolução do ser humano, eles respondem:" um antigo sábio da Grécia já dizia:" conhece-te a ti mesmo". É Sócrates!

PRECE

Imagem
Lendo uma prece árabe descobri a força de palavras simples...
Deus...
Ajude-me sempre a dizer a verdade na presença dos fortes e jamais dizer mentiras para ganhar os aplausos dos fracos.
A mentira é o véu negro que envolve a vida, escondendo a felicidade, a força e a fortuna.

Se me der à força, não me tire a lucidez, companheira da verdade...

Se me der prosperidade, não permita que eu perca a modéstia, conservando apenas o orgulho da dignidade.

Nunca me tire a esperança....

E quando me ferir a ingratidão e a incompreensão dos meus semelhantes, cria em minha alma a força da desculpa
e do perdão.

E, finalmente, Senhor, se eu Te esquecer, eu peço, mesmo assim, que nunca Se esqueça de mim!


Um forte Ágape!!!